Detento «salvo» pelo ensino será 1º em SP a cursar uma pós dentro da cadeia

Pouco menos de dois anos após se tornar o primeiro preso de São Paulo a conseguir um diploma de curso superior dentro da cadeia, o pedagogo Venílton Leonardo Vinci, 57, está pronto para fazer história novamente. Ele conseguiu uma bolsa de estudos integral e será, no segundo semestre, o primeiro detento a iniciar uma pós-graduação atrás dos muros de uma penitenciária.

De fala mansa e pausada, ele não esconde um sorriso no canto dos lábios toda vez que fala sobre a profissão que escolheu e os planos para o futuro. Hoje interno no CPP (Centro de Progressão Penitenciária) de Jardinópolis, Venílton, além da bolsa, já recebeu autorização para ir até a faculdade acompanhar os encontros presenciais, que devem ser quinzenais.

UOL Educação – 05/04/2017

¿Qué te pareció este contenido?

Conoce la política sobre los comentarios o textos publicados en este sitio